O Projeto Borboleta e o Cutting

Bom, pra quem não sabe, o Cutting (ou Auto Mutilação) é quando a pessoa se corta, para fugir da dor emocional. Eu sofro de Cutting e não tenho orgulho de dizer isso.
Já tentei parar, mas não consigo. É como um vicio. Quando eu me corto, não sinto dor. Há uma muito maior dentro de mim.” Acho que isso explicou tudo.

E pra quem também não sabe, existe o Projeto Borboleta.

Bom, sobre o Projeto Borboleta, nem preciso falar muito né; Já ta tudo explicado ali em cima.

Sofro de Cutting a mais ou menos 5 meses. Me corto com qualquer coisa cortante que ver pela frente, quando estou triste ou quando me magoam. Corto sempre os pulsos e os braços. E, até hoje, só contei isso pra uma amiga virtual, que também sofria de Cutting. Só ela sabe. Nem meus pais sabem, e faço questão que eles não saibam. Tenho muito medo de que alguém descubra. Por isso, sempre estou de casaco. Minha mãe ja chegou a ver os cortes no meu braço e pediu o que tinha acontecido, mas menti dizendo que havia me machucado na escola e nem tinha percebido. Também tenho medo de cortar alguma artéria, ou fazer um corte muito profundo, por isso, as vezes, me corto com tesoura, porque daí posso apertar mais forte do que com as lâminas.

Eu queria muito poder me abrir com alguma pessoa mais próxima de mim, sabe? Não só virtualmente. Mas tenho medo do que as pessoas vão pensar de mim, sem falar sobre o bullying que pode piorar mais ainda.

Lembram que eu sempre falo que “não é pra dar atenção ao que os outros falam de você, porque o que você pensa é o que realmente importa”? Então, dou sempre esse conselho a vocês, mas eu não consigo seguir isso. Na verdade, importa sim o que as pessoas vão dizer de mim, porque isso, de uma forma ou de outra, vai me afetar. O que as pessoas dizem de mim pode sim me fazer feliz. Mas também pode me fazer a pessoa mais triste do mundo!

E eu fico triste muito fácil.

E me cortar parece ser o único jeito da dor emocional que eu sinto passar, pelo menos por um momento, porque depois, a dor emocional volta. Parece até que a dor física neutraliza a dor emocional.

Estou tentando seguir as regras do Projeto Borboleta (se liguem, eu falei tentando)

Parece que quando estou triste, ou magoada, não consigo pensar direito, simplesmente me tranco no quarto e me corto. Aí, no outro dia, vejo todas aquelas cicatrizes no meu braço e me arrependo de tudo.

6 thoughts on “O Projeto Borboleta e o Cutting

  1. Oi.. Me chamo Luana, e minha situação parecida com a sua.. As vezes chego a conclusão d n haver mais razão pra viver.. As vezes acho q ngm sentiria a minha falta msm..

  2. Ainda tenho vergonha disso e prefiro não dizer o meu nome, mas comecei a me cortar faz mais ou menos um mês, antes eu me mordia. Pois é, parece estranho e é estranho. Normalmente quando eu me corto não consigo chorar, só quando estou muito magoada. Além desse problema acho que estou com depressão e estou com problemas com álcool. Bom, só queria deixar o meu comentário aqui pra dizer que tu não é a única!

    • Bem, também sinto vergonha disso. Tento esconder de todos, uso casacos e tudo o mais. Estou conseguindo me controlar mais, os cortes não são mais tão frequentes. Quando você estiver com vontade de se cortar e não tem ninguém pra desabafar, ajuda muito escrever tudo o que sente em um diário, ou algo do tipo. Pelo menos pra mim, isso está ajudando.

  3. Olá, não quero dizer meu nome, mas eu sofro de auto mutilação há 1 ano e 3 meses, eu não consigo ficar duas semanas sem me cortar ou me queimar ou me ferir de qualquer maneira. Eu sou meio doidinha sabe, rockeira, eu sou autista então não consigo conviver bem com ninguém. Eu já tentei de todas as maneiras parar mas eu não consegui. Eu já tomo remédios controlados e vou a terapia há mais ou menos 1 ano e até hoje nada resolveu. O que eu faço? Gostaria de conhecer pessoas igual a mim.

  4. Se cortar não soluciona o problema, ou os problemas, apenas servem para demonstra que a pessoa não estar realmente madura para lidar com algumas questões da vida, ela ainda é muito imatura emocionalmente. Sabe os problemas existem, todos temos, muitas vezes passamos cada situação que parece o fim do túnel, mais é ai nesse momento quando achamos que não há o que ser feito, quando tudo parece impossível e as vezes até realmente seja impossível para nós simples humanos que DEUS entre em ação, lembre-se sempre que DEUS é o DEUS do impossível e não existem limites para ELE. ELE realmente quer te ajudar é só você deixar ele entrar no seu coração e mudar essa triste trajetória de sua vida. Ao invés de pegar algo para se cortar, olhe para seu corpo, foi ELE que te criou e ELE te ama incondicionalmente, peça ajuda, Ele te da essa liberdade, é simples, diga assim: “Meu DEUS, eu te amo e sei que me amas também, me de força para lidar com essa situação, afasta de mim tudo que não provém de Ti pois eu sei que queres o melhor para mim. Eu creio que só o Senhor pode me ajudar. Amém.”
    Desejo que vocês se recuperem e que realmente deixem DEUS agir em suas vidas, pois ele só tem o melhor para nós.

    Abraços

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s